CANNABIS COMBATE SIGNIFICATIVAMENTE A DOR NEUROPÁTICA

Para aqueles que sofrem de dor neuropática, parece que tratamentos naturais podem ser mais eficazes do que a farmácia. Um estudo de 2013 publicado no The Journal of Pain analisou a capacidade da cannabis vaporizada para tratar a dor neuropática. Uma dose baixa de cannabis

CANNABIS MEDICINAL COMO TERAPIA MODIFICADORA DE DOENÇAS?

Inflamação e Neuroinflamação Quem teria pensado que o cérebro pode ficar inflamado? Não fomos educados em uma “Grande Muralha da China” (a barreira hematoencefálica) que protege o cérebro de invasores externos? Neuroinflamação foi um termo pouco usado antes de 1995, mas agora é um dos

CBD E THC NO TRATAMENTO DE AUTISMO

Transtorno do neurodesenvolvimento caracterizado por comprometimento social, dificuldade de comunicação, comportamentos repetitivos e restritos. O espectro do autismo abrange uma ampla gama de comunicação verbal e não verbal. O transtorno do espectro autista (TEA) e o autismo são ambos termos gerais para um grupo de

CANNABIS MEDICINAL PARA A DOENÇA DE ALZHEIMER

Transtorno neurológico caracterizado por perda grave e progressiva da função da memória e comportamentos aprendidos. Os sintomas associados incluem frequentemente perda de apetite, depressão e agitação grave. Estima-se que mais de 5 milhões de americanos sofrem de Alzheimer e existem apenas alguns medicamentos aprovados pela

CANNABIS OFERECE ALÍVIO DA DOR CRÔNICA

Anestesiologistas especializados cuidam de pacientes com dor crônica. O termo para esses médicos acabou se tornando especialistas em dor. Sua solução para tratar pacientes é tipicamente esteróides e opiáceos incrivelmente fortes. Desde que a maconha medicinal se tornou disponível, os que sofrem de dor crônica

CÂNHAMO E O ADESIVO DE CANNABIS

Como executiva-chefe da Mary’s Medicinals, uma empresa com sede no Colorado e conhecida por adesivos de maconha transdermal feitos de cânhamo, Nicole Smith está lutando uma batalha difícil – e vencendo. A maconha legal está constantemente no centro das atenções, mas o cânhamo está silenciosamente

FUMAR MACONHA PODE AJUDAR VICIADOS A DESISTIR DA HEROÍNA

Fumar maconha ajuda os pacientes a desistir de opiáceos como a heroína, descobriu um novo estudo. Pesquisadores da Universidade de Columbia avaliaram o uso de canabinoides versus um placebo em indivíduos dependentes de opióides submetidos à desintoxicação de pacientes internados e tratamento ambulatorial com naltrexona,