AUXÍLIO DE PROFISSIONAIS MÉDICOS NA DOSAGEM DE CANNABIS CENTRADA NO PACIENTE

Por Isabella Filippini

Uma das partes mais importantes de trabalhar com a medicina canabinoide é definir a dose terapêutica ideal para cada paciente. Esta dosagem é excepcionalmente individual e o prescritor orienta e desenvolve, junto ao paciente, um método de encontrar a melhor alternativa e partir para a automedicação.

O teste de dosagem pode ser iniciado com produtos ricos em CBD, administrado em doses baixas, e em seguida dirigido a pequenas quantidades de THC, caso seja necessário, já que as duas substâncias funcionam bem juntas. O que acontece é que a reação do corpo ao THC é o que define certas proporções dos medicamentos de cannabis e o profissional médico deve procurar minimizar os seus efeitos colaterais. Lembrando que compostos da cannabis operam em duas fases: doses baixas e doses altas podem ter efeitos opostos (como estimular ou sedar).

Veja também: Métodos de Introdução de Canabinoides no Sangue

Atualmente, proporções recomendadas e pré-estabelecidas para doenças específicas podem servir de auxílio no planejamento médico do uso de medicamentos a base de cannabis. Profissionais médicos têm a tarefa de seguir um protocolo de dosagem para que possa orientar os pacientes de forma segura e efetiva.

As maneiras de administração dos medicamentos com cannabis são inúmeras: inalação, comestíveis, tinturas, cremes e pomadas e etc. Pesquisas afirmam que estes produtos podem ser administrados com outras drogas, como alguns anti-inflamatórios e opioides. O responsável médico deve rever e ajustar as respostas do enfermo à terapia canabinoide.

Há grupos que devem ter um acompanhamento em maior grau. Podemos citar: grávidas e mulheres que amamentam, menores de 25 anos, pacientes com condições cardíacas ou com diagnósticos psiquiátricos. Se desenvolvido conforme orientação e supervisão médica, o paciente consegue encontrar o seu “ponto ideal”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *